Conheça boas práticas para treinamento de negociação

A negociação faz parte do cotidiano de todas as pessoas que vivem em sociedade. Normalmente, associamos esta palavra a uma transação comercial, mas o fato é que realizamos em nosso dia a dia interações em que obtemos algo que desejamos oferecendo uma contrapartida. Isto é negociar e acontece sempre que não temos poder para impor o resultado desejado.

Algumas pessoas parecem ter esta capacidade de forma inata, e se este não é o seu caso não se preocupe. Afinal, essa habilidade tão importante pode ser treinada! Existem diversas práticas e exercícios para desenvolver e aperfeiçoar nossas aptidões nesse sentido, que inclusive levam em conta nosso estilo pessoal e podem nos tornar negociadores e executivos de sucesso.

No post de hoje, listamos as melhores práticas para o treinamento de negociação. Veja!

1. Preparação

Informação é tudo! Reserve o tempo necessário para se preparar de maneira adequada antes de cada negociação. Você deve estudar sua posição e a da outra parte a fim de entender o que é esperado. Quanto mais dados você tiver, poderá pensar melhor sobre as alternativas que os dois lados terão caso a negociação não se finalize. Com isso, terá argumentos mais consistentes para apresentar, aumentando as chances de conseguir sucesso em sua proposta.

2. Comunicação

Saber expressar-se de uma forma positiva e clara faz toda a diferença no envio e entendimento da mensagem. Quanto melhor a comunicação, menor será a desconfiança do outro lado. Mantenha o foco no diálogo. Faça muitas perguntas e ouça seu interlocutor. Estas informações serão úteis no decorrer do processo de negociação e, ao ouvir, você se conecta com as expectativas e dificuldades da outra parte.

3. Equilíbrio entre razão e emoção

É importante manter a negociação em um plano racional durante qualquer processo de negociação. Raiva, ansiedade e pressa atrapalham e levam a decisões precipitados ou argumentações não sustentáveis. Em caso de descontrole emocional, a outra parte não liga de perder se estiver prejudicando você.

4. Explore alternativas

Uma técnica bastante utilizada para entender as expectativas e explorar novas ideias é o “Se.. Então …” Com ela, você explora aberturas possíveis sem se comprometer. Por exemplo: “Se eu aumentasse meu pedido, o desconto seria maior?”. Desta forma, vocês podem chegar a soluções conjuntas que sejam benéficas para os dois lados. Outra forma é fazer uma sessão de brainstorming conjunta que possa ser útil para oferecer soluções criativas.

5. Ações ganha-ganha

Nas negociações, não necessariamente precisamos de um cenário vencedor-perdedor. O ideal é procurar um acordo ganha-ganha, onde as duas partes percebam que fecharam de maneira favorável e não se sintam exploradas ou enganadas. Identificar os interesses dos dois lados e fechar formas mutuamente aceitáveis criam a reputação de um bom negociador.

Negociação demanda aprendizado e desenvolvimento constante. Se você não se sente preparado como gostaria, uma boa opção é desenvolver esta competência por meio de capacitações com profissionais especializados. Nas sessões de coaching da Net Profit você poderá vivenciar esta experiência para se sentir cada vez mais confiante em suas habilidades.  

E, por último, lembre-se de que um excelente negociador é aquele que consegue o que quer, fazendo parecer que é o que o outro deseja.

Conhece mais pessoas que buscam melhorar como negociadores? Aproveite então e compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais, mostrando essas medidas simples e práticas de como fazer um bom treinamento de negociação!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

topo