Entenda mais sobre o que é Coaching

Atualmente, o mercado de trabalho é mais dinâmico e competitivo, tanto entre profissionais quanto entre empresas. Esse cenário exige que a função do líder seja potencializada para a conquista de metas ambiciosas e formação de equipes de alta performance.

Com o intuito de atingir esses objetivos, os gestores precisam estar mais preparados para enfrentar os desafios da vida corporativa, que não são poucos. Além das competências técnicas, que já são esperadas de um profissional de alto nível, o fator comportamental também apresenta-se como peça-chave na estratégia rumo ao sucesso.

Para desenvolver essa demanda, o serviço de coaching é a melhor opção, pois contribui para o autoconhecimento e autodesenvolvimento. Cada vez mais empresas que buscam crescimento sustentável procuram essa alternativa de treinamento.

A seguir, explicamos o que é coaching, como o trabalho é realizado e os diversos tipos existentes.

Afinal, o que é coaching?

A tradução literal de coaching é treinamento, no entanto essa é uma compreensão um tanto simplista. O coaching é uma assessoria que contribui para o alcance de altos níveis de autodesenvolvimento do profissional, prestando auxílio para que ele conheça seus pontos fortes ou saiba como extrair mais benefícios deles, entendendo e aprendendo também a trabalhar seus pontos fracos.

A dinâmica do coach — profissional que presta o atendimento — abrange diversas áreas do conhecimento, como administração e psicologia. E a sua função é entender os objetivos que o coachee — cliente interessado no serviço — deseja alcançar, buscando conjuntamente formas para atingir o êxito.

É importante ressaltar que essa assessoria é para a área comportamental e não técnica. A proposta é o desenvolvimento do indivíduo e suas potencialidades, ou seja, a intenção é que haja uma mudança interna e que crenças limitantes possam ser eliminadas.

Para que é indicado o serviço de coaching?

O coaching é indicado para os profissionais que necessitam desenvolver suas competências comportamentais com o propósito de alcançar metas ou resultados elevados, contribuindo para a que a empresa possa atingir altos patamares e conquistar mercados no segmento que atua.

Para exemplificar, um CEO que já possui boa experiência no seu ramo de atuação e competência técnicas, e que deseja apresentar resultados mais agressivos e formar uma equipe de alta performance, precisa estar preparado para atingir esses objetivos.

Para esse caso hipotético e diversos outros, é indicado procurar um coach, pois, ao ser assessorado por um especialista, as chances de obter resultados positivos são mais altas.

Em suma: o coaching é recomendado para aqueles que ainda não conseguiram atingir o máximo de excelência em seu trabalho e desejam dar esse grande passo na carreira.

Como o treinamento acontece?

Entendido o que é coaching e quando é recomendado fazê-lo, é importante compreender como ocorre o treinamento. Primeiro, saiba que não se trata de um bate-papo entre duas pessoas e tudo estará resolvido. O tempo dependerá de vários fatores, mas em geral, são doze encontros, que irão transcorrer por entre três e quatro meses.

Além disso, por mais que haja em sua dinâmica o conhecimento da Psicologia, não é uma sessão de terapia ou algo do tipo. Esclarecidas possíveis confusões, saiba que o treinamento se dá por meio de diversas ferramentas e atividades, como lições e exercícios, orientações e até mesmo atividades práticas.

Haverá um grande número de informações disponibilizadas por parte do coach, entretanto o resultado só chegará com o empenho e dedicação do coachee em por em prática o que foi sugerido e ensinado. Do contrário, o treinamento não será efetivo.

Quais os benefícios do método?

O coaching pode trazer muitos benefícios ao interessado, porém não se trata de uma ciência exata e, portanto, não há garantias de resultados. O que realmente ocorre é que o coachee precisa estar realmente engajado e com disposição para passar por esse processo de autoconhecimento e fazer as mudanças necessárias — agindo dessa forma, a probabilidade de sucesso do método é elevado.

Com relação aos benefícios, além de reconhecer os pontos fortes e fracos e saber como lidar com eles, o coaching contribui para o desenvolvimento da inteligência emocional — imprescindível para o mercado —, melhora a positividade e o ânimo para o trabalho em equipe, ajuda a alcançar objetivos ousados e liderar pessoas de maneira a motivá-las e engajá-las no projeto para que todos possam lutar pelas metas.

Esses são apenas alguns dos benefícios — cada profissional é um caso diferente e pode ter um aproveitamento diferente.

Quais são os tipos existentes de coaching?

Há diferentes tipos de coaching para atender diversos objetivos e conseguir atuar de forma mais focada e que atenda às necessidades do interessado. Vamos destacar os seguintes:

Coaching financeiro

Como o próprio nome já revela, é indicado para quem deseja alcançar resultados positivos nas suas finanças pessoais ou empresariais. A proposta deste treinamento é oferecer meios para que o coachee identifique e entenda seus hábitos financeiros, tanto negativos quanto positivos, e consiga traçar um plano para atingir as metas que deseja.

Coaching de liderança

O objetivo desse treinamento é potencializar as habilidades de gestão de pessoas do profissional. A ideia é que a figura do chefe seja deixada de lado e o protagonista seja o líder: aquele que motiva e incentiva equipes, sabe administrar conflitos, busca alta performance de resultados e de desenvolvimento de pessoas.

Coaching pessoal

Esse é focado na autorrealização do coachee para conquistar seus objetivos, tanto nas vida pessoal quanto profissional. A ideia é que o coach contribua para definir metas e ajude a traçar um plano para atingir os resultados desejados.

Quem buscou o treinamento é que informa quais áreas serão desenvolvidas e trabalhadas durante a assessoria — essas podem ser as mais variadas, tais como: saúde, relacionamentos, melhor administração do tempo, entre várias outras. 

Coaching executivo

Esse programa de treinamento é indicado para os profissionais com posição estratégica de liderança dentro das empresas. O objetivo é alinhar as competências pessoais de executivos com a necessidade da empresa em ter um profissional de alta performance.

A proposta desse tipo de coaching é desenvolver a liderança e as competências relacionadas à gestão e a inteligência emocional, trabalhar a habilidade de aperfeiçoar e motivar equipes, manter o foco em resultados e crescimento sustentável da empresa. Além disso, um dos pontos do treinamento é o alinhamento entre a vida pessoal do executivo com a missão que precisa desenvolver na corporação para atingir metas ambiciosas, sem deixar aspectos pessoais de lado.

Agora que você já sabe o que é coaching, não hesite em buscar esse método para atingir altos níveis na carreira e na vida pessoal. Aproveite para compartilhar esse artigo nas redes sociais e dividir as informações com os seus amigos. 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

topo